Comunicação |

Notícias

Buscar notícia

Procurar

Náutico mira recuperação contra o Paraná fora de casa

26/09/2017 ás 08:00 - Terça
Imagem

Voltar a vencer tornou-se uma necessidade ao Náutico após dois resultados negativos nas últimas rodadas. Na noite desta terça-feira (26), a missão de buscar os três pontos será em Curitiba, no Estádio Durival de Britto, diante do Paraná, às 20h30. Contra o melhor mandante da Série B, os alvirrubros miram a recuperação para voltar se aproximar da saída da zona de rebaixamento.

Apesar do abatimento pela derrota para o Internacional no Lacerdão, o elenco alvirrubro precisa reagir de forma imediata. Por isso, o técnico Roberto Fernandes está trabalhando com o grupo o aspecto psicológico, além do tático, para que a equipe entre em campo focado na vitória, mesmo se tratando de um duelo fora de casa.

“A luta tem que continuar. Como já falei anteriormente, o grande adversário do Náutico é o próprio Náutico. Com todo respeito ao Paraná. Mas precisamos buscar o ponto de equilíbrio e oscilar menos. Cada rodada que passa o peso nas costas aumenta. Porém, temos de acreditar e buscar essa vitória fora de casa”, ressaltou.

Roberto Fernandes não contará com os zagueiros Breno Calixto, machucado, e Aislan, suspenso pelo terceiro cartão amarelo. Em contrapartida, o lateral-esquerdo Àvila fica à disposição após cumprir suspensão. Portanto, será inevitável mudar a equipe e algumas alterações o treinador confirmou. Mas a escalação completa será divulgada apenas momentos antes da partida.

“A ideia é continuar fortalecendo o setor ofensivo para poder voltar a vencer e ter uma sequência de bons resultados. Temos dado uma consistência defensiva e não devo mudar muito. Claro, temos os desfalques Então, Rafael Ribeiro deve entrar na vaga de Breno porque não vou jogar com dois zagueiros canhotos. E Feliphe Gabriel no lugar de Aislan. Sueliton e Manoel permanecem. Do meio para frente é que tenho problemas de jogadores que demoram mais a se recuperar como Amaral e Giovanni. Miranda saiu do último jogo machucado. Vamos precisar aguardar até a hora do jogo”, finalizou.

Clauber Santana / Comunicação CNC

Outras notícias